António Conde

António Conde
Loriguenses notáveis

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"antonio-conde","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"loriguenses-notaveis","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png

AVISO - ARTIGO TEMPORARIAMENTE BLOQUEADO

Caros leitores e editores:

Este artigo tem sido alvo de bastante polémica. A decisão da administração desta enciclopédia é manter este artigo, tal como o permitiria a qualquer outro natural de Loriga. No entanto, informa-se que pelo menos um outro usuário contesta fortemente a veracidade do aqui apresentado bem como as intenções da pessoa aqui biografada. Dever-se-á ter em mente esta premissa ao ler este artigo.
Naturalmente, deixamos bem claro que os responsáveis pela enciclopédia Memória Portuguesa não toma partido por qualquer um dos lados em disputa. No entanto reservamo-nos o direito de estabelecer uma posição caso surjam mais testemunhos credíveis a favor de um dos lados desta questão. Se tiver opinião sobre este assunto comente nas caixas abaixo ou contacte-nos por tp.obacten|tenikiw#liam-e.

Para obter uma visão contrastante ao apresentado no artigo, sugere-se a leitura dos comentários abaixo, nesta página.
A administração da enciclopédia
wikinet

António Conde nasceu em Loriga.

De uma forma discreta tem dedicado grande parte do seu tempo ao estudo e investigação da história, à defesa do património e do desenvolvimento e à divulgação da vila de Loriga. Uma pequena parte do resultado do seu estudo sobre a história da vila de Loriga foi já publicada no jornal Garganta de Loriga e em outra imprensa local, regional, nacional e internacional. Essa pequena parte da sua pesquisa está disponível em diversos sites e outras publicações sobre Loriga (com ou sem referências ao seu nome), de diversos autores, e é conhecida dos loriguenses. Estão também disponíveis, nos mais diversos sites e outras publicações, extractos de alguns dos seus artigos publicados (com ou sem referências ao seu nome). São também conhecidas, e tendo em vista exclusivamente os objectivos referidos, as suas sempre assumidas iniciativas, nos poderes públicos, entidades oficiais, imprensa regional e nacional, e estações de televisão portuguesas e estrangeiras.

É um loriguense atento a tudo que se passa na sua terra natal, à qual o prendem fortes raízes. O seu trabalho tem sido de grande importância para a resolução dos principais problemas da vila de Loriga, para o conhecimento da sua história, e para a sua divulgação, dentro e fora de Portugal. O seu trabalho tem sido fundamental para tirar Loriga da sombra em que esteve mergulhada, dando-a a conhecer a Portugal e a todo o mundo. A propósito dos principais problemas da vila, destaca-se, por exemplo, a sua decisiva intervenção nos seguintes casos:

  • Conclusão da EN 338 (conhecida localmente por Estrada de São Bento)
  • Construção do novo edifício da Escola C+S de Loriga
  • Reparação da EN 231
  • Construção do quartel dos Bombeiros Voluntários de Loriga
  • Classificação do património histórico
  • Ordenamento dos símbolos heráldicos da vila
  • Instalação de um museu dos lanifícios
  • Construção de um pavilhão gimnodesportivo

António Conde não se tem preocupado apenas com a vila, mas também com a região de Loriga, ou seja, com as outras seis freguesias cujas áreas pertenciam ao antigo Município de Loriga. É uma região com uma identidade própria, a preservar e desenvolver, e que ele tem defendido e divulgado como tal. António Conde é um homem de cultura, com grandes e diversificadas capacidades, e como tal, o trabalho pela sua terra natal e pela sua região, é apenas uma parte dos seus interesses e actividades.

Alguns testemunhos significativos

Aqui se registam alguns testemunhos significativos sobre o trabalho de António Conde na defesa e promoção da sua terra:

"Já todos nos habituámos à regular colaboração do nosso conterrâneo António Conde. São homens como ele que alimentam a curiosidade e o interesse sobre as problemáticas locais e sobre a imprensa regional. […] Este loriguense é um homem preocupado com a terra que o viu nascer, à qual o prendem fortes raízes. No entanto, pela sensibilidade com que escreve, pelos apelos que faz à unidade loriguense, António Conde tem revelado, ao longo dos anos que vem mantendo colaboração no jornal, um pensamento coerente e linear. Concorde-se ou não com o acentuado sentido crítico que empresta aos seus artigos, nomeadamente na sua crónica "Quo vadis Lorica", o facto é que António Conde não se limita a falar dos problemas, mas aponta soluções. Por isso, a redacção do "GL" considera-o um loriguense de causas. […] Digam lá se o exemplo de António Conde não é de seguir. Este loriguense, para além de reclamar junto dos poderes públicos para a resolução dos problemas de Loriga, não guarda para si a informação recebida, antes a envia ao "GL", para que todos a conheçam. Preto no branco, com cópias dos ofícios e tudo. Assim é que é! Obrigado António Conde, pela consideração que tem pelo "GL", pela ANALOR, e por Loriga." -1

"Dizer Bem – Promover Loriga"
"Há coisas e situações que, no dia-a-dia, merecem que as olhemos de forma positiva. António Conde, homem de grande cultura, homem de grandes convicções e princípios, e muito ligado às chamadas "novas tecnologias", é o principal responsável pela divulgação de Loriga e da sua história, e um dos principais responsáveis pela resolução dos principais problemas da vila. O Sr. Conde é hoje muito diferente do homem que deixou a sua querida terra natal há vinte anos, e mesmo quando residia na sua vila de Loriga, já era muito mais do que muitos dos seus conterrâneos pensavam ou ainda pensam dele! Embora alguns seus conterrâneos tenham dificuldade em aceitar, por incredulidade ou má-fé, a realidade é que Loriga deve muito a este seu filho, que, ao contrário de outros por aí que fizeram muito menos, ou não fizeram nada pela sua terra, não procura publicidade nem notoriedade. Por exemplo, não existe nenhum site assinado com o seu nome, mas a maioria dos sites a nível nacional e internacional que falam de Loriga e da sua história (e já são muitos) fazem-no graças à pesquisa e divulgação do Sr. Conde. Sem a acção do Sr. Conde, a vila de Loriga não seria o que é, não seria tão conhecida, e a sua verdadeira história e do seu património ainda estariam na penumbra. Ninguém conseguiu mais para a sua terra-natal que o Sr. Conde, especialmente nos últimos 17 ou 18 anos!" -2

Artigos sobre Loriguenses

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, no images found attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Ant\u00f3nio Conde","order":"dateAddedDesc"}}

Fotografias da região

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Loriguenses not\u00e1veis, loriga loriguenses, -Ant\u00f3nio Conde","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Adicionar um Novo Comentário
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.