Benfeita

Benfeita
Arganil



{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"benfeita","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


Benfeita é uma freguesia portuguesa do concelho de Arganil, com 22,10 km² de área e 503 habitantes (2001). Densidade: 22,8 hab/km². Está incluída na Rede das Aldeias do Xisto.

A Benfeita é uma pequena e velha aldeia solitária da Beira Serra, localizada na margem esquerda do rio Alva, no Concelho de Arganil, distando 21 km de Arganil, 79 km de Coimbra e 262 km de Lisboa, via A1 (até à saída para Coimbra-Norte), IP3 (até à saída para IC6-Covilhã), IC6 (até ao fim) e EN 17 (até Coja).

Inserida numa região predominantemente montanhosa, está situada a cerca de 450 metros de altitude, na encosta da serra do Açor, num pequeno vale rodeado pelas cumeadas da Deguimbra, do Monte Redondo, da Picota da Margaraça e da Chama. Sendo atravessada pelas frescas ribeiras da Mata e do Carcavão, a Benfeita não tem outros horizontes que não sejam as encostas que a envolvem e o céu que tudo cobre.

Localidades

Além de Benfeita a freguesia conta ainda com as seguintes localidades anexas:

  • Deflores
  • Dreia
  • Enxudro
  • Luadas
  • Monte Frio
  • Pai das Donas
  • Pardieiros
  • Sardal

Actividades

Aqui residem, habitualmente, cerca de cem pessoas, sendo a sua principal ocupação, a agricultura minifundiária. Esta povoação, outrora activa e laboriosa, encontra-se numa situação de luta pela sobrevivência. A maioria dos seus habitantes, de idade já avançada, sobrevive com o apoio das suas reformas e pensões sociais, ocupando o seu tempo com o trabalho na agricultura, trabalhos domésticos, conversando, indo ao café, jogando às cartas, indo à missa ou vendo televisão. Ocasionalmente, organizam-se bailaricos para quebrar a rotina e relembrar os arraiais do passado.

Aspecto do casario de Benfeita
Aspecto do casario de Benfeita

Esta aldeia não dispõe de facilidades de alojamento, serviços de restaurante, farmácia, banco, multibanco ou posto de abastecimento de combustível. Normalmente é visitada, apenas, por amigos ou familiares de residentes em férias, ou por pessoas que, tendo aí as suas casas, vivem e trabalham noutros locais, como: Coimbra, Porto, Lisboa, etc.

Embora já tendo sinal para a recepção dos 4 canais de televisão, na Benfeita ainda não se consegue captar o sinal de todas as operadoras de telemóveis; apenas a TMN colocou uma torre de retransmissão perto das Luadas, que entrou em funcionamento em Novembro de 2005. Os utilizadores das outras redes terão de se deslocar para um local mais elevado, fora da povoação para terem um sinal com mais qualidade. Caso pretenda utilizar o Posto Telefónico Público da Benfeita, fique a saber que, o mesmo, está instalado dentro do edifício da Junta de Freguesia e que o seu horário de funcionamento é das 09:00 às 12:30, apenas nos dias úteis.

A TV Cabo só pode chegar à Benfeita através de receptores de satélite, mas o acesso à Internet de banda larga já pode ser contratado através da PT (Portugal Telecom), utilizando a tecnologia ADSL numa linha telefónica normal.

Aldeia do Xisto

É uma experiência única percorrer as ruas da Benfeita e sentir a frescura no encontro de duas ribeiras, a do Carcavão e a da Mata. No recuperado moinho do Figueiral e alambique ainda é possível ver como antigamente se aproveitava a força da água. Do outro lado da rua descubra a Igreja Paroquial e um pouco mais ao lado o atelier da Feltrosofia, onde se fazem artesanalmente peças de feltro com um design inovador. Não se esqueça de visitar também a Loja da Rede das Aldeias do Xisto e Centro Documental, na recuperada Casa Simões Dias.

É obrigatório subir à Fonte das Moscas e apreciar o conjunto de casario branco com as suas ruelas e passadiços característicos, nas quais se destaca a Torre da Paz, de alvenaria de xisto, com uma interessante história para contar. Situada entre Côja e a Paisagem Protegida da Serra do Açor, a Benfeita leva-nos a seguir a Ribeira da Mata, a encontrar a frescura da Fraga da Pena e o arvoredo da Mata da Margaraça.

Ligações externas

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, no images found attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Benfeita","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos com a mesma raiz:

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Adicionar um Novo Comentário
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.