Eira Pedrinha

Eira Pedrinha
Condeixa-a-Velha

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"eira-pedrinha","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"condeixa-a-velha","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


Eira Pedrinha que significa “eira feita de pedra” é uma pequena aldeia portuguesa situada 12 quilómetros a sul de Coimbra e a cujo distrito pertence. Integrando o concelho de Condeixa-a-Nova e a freguesia de Condeixa-a-Velha tem bem pertinho de si as Ruínas romanas de Conímbriga, um local que vale a pena visitar.

História

Perde-se no tempo a formação desta povoação. A descoberta de uma importante jazida pré-histórica onde foram encontrados esqueletos, objectos de cerâmica, pontas de sílex e machados de pedra, mostram que já era habitada à mais de quatro mil anos. É do Séc. XII (1128) a mais antiga referência escrita a esta lugar. Aldeia pobre que sempre viveu da agricultura, tem a sua maior riqueza na água que jorra em abundância das sua 19 nascentes e que vai irrigar os seus campos que produzem uma grande variedade de produtos hortícolas que são vendidos nas feiras e mercados, quer na sede de concelho quer nos concelhos limítrofes.

Tal abundância de água esteve na origem da única industria que existiu na aldeia: a moagem. Os seus treze moinhos movidos a água transformavam os cereais em branca farinha que os moleiros transportavam nas sua carroças puxadas por animais, para terras bem distantes.

Apesar de estar a converter-se em prolongamento da vila, num estranho urbanismo que planta prédios de apartamentos à borda de mimosos alfobres, a Eira Pedrinha é um lugar encantador. O núcleo antigo da aldeia com as suas pedreiras abertas no tufo formam verdadeira cascata, banhada de sol mas onde a água é farta e não faltam sombras frescas e nume­rosas nogueiras. De manhã ao pôr-do-sol quem passa na antiga estrada real tem lição de agricultura, pois o delicado amanho dos viveiros de plantas hortícolas é faina sem tréguas. Provavelmente há muitos séculos, pois Eira Pedrinha já é referida no séc. XII e chegou a ser concelho. Recuando nos tempos, os testemunhos arqueológicos dizem-na habitada durante o período suevo-visigótico, a época romana e a Pré-história recente, quando as suas grutas e lapas foram usadas como abrigo natural.

A capelinha de Nossa Senhora da Piedade compensa visita.

Fonte de Informação

Artigos relacionados com Eira Pedrinha

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, we couldn't find any images attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Eira Pedrinha","order":"dateAddedDesc"}}

Fotografias da região

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Condeixa-a-Velha, condeixa-a-velha eira-pedrinha, -Eira Pedrinha","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos com a mesma raiz:

Artigos subordinados a este (caso existam):

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.