Grupo Etnográfico Rusga de Joane

Grupo Etnográfico Rusga de Joane
Joane

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"grupo-etnografico-rusga-de-joane","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"joane","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


O Grupo Etnográfico Rusga de Joane, da freguesia de Joane, concelho de Vila Nova de Famalicão, iniciou a sua actividade a 8 de Março 1991, tendo-se apresentado oficialmente no dia 12 de Outubro de 1991. Foi apadrinhado pelo Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela, O seu nascimento surgiu da necessidade de "dar corpo às manifestações materiais e culturais do povo joanense, em particular, a do concelho em geral. (…) Queremos apresentar fielmente o nosso folclore. O nosso trabalho será feito respeitando a etnografia de nossa vila, (…) no que concerne a trajos, músicas e danças"1

Origem do nome

Rusga é a designação para gente que vai e vem das festas. Antigamente, era normal ver-se a caminho das nossas romarias, festas profanas, em ajuntamentos populares, serões, vindimas, desfolhadas, ou outros tipos de trabalhos colectivos, conjuntos de tocadores instrumentistas, normalmente homens, aos quais se dava o nome de Rusgas. As Rusgas formavam-se na maioria das vezes esporadicamente, ou então prévia mas minimamente ensaiadas. Ao ritmo das músicas tocadas se percorriam e venciam as longas distâncias para se chegar e regressar aos terreiros das mais célebres romarias das redondezas. Aí, logo se juntavam aos «Rusgueiros», cantadores ao desafio e ainda as vibrantes e rasgadas vozes, das moças cantadeiras. Bastava a primeira música para logo se fazer uma roda e dançar as «modinhas» e dançares de então. Eram os intermináveis malhões de roda, as chulas picadas, as vareiras e os célebres viras da resistência

Breve Biografia

O Grupo Etnográfico Rusga de Joane (Rusga de Joane como se passará a denominar), com base na recuperação e representação o mais fidedigna possível dos antepassados finais de século XIX inícios de século XX, tem demonstrando a beleza do folclore do Baixo Minho, através da alegria e da elegância que o caracteriza. A representação etno-folclórica, tem vindo a ser aprimorada de modo a diversificar a mostra das variadas tradições. Nesse sentido a Rusga de Joane apresenta nas actuações, danças, cantos e encenações etnográficas, este último, dando ênfase a alguns costumes, possíveis de se representar em palco.
A recuperação e conservação de outros costumes, são de igual importância, tais como, o Canto de Janeiras e Reis, Desfolhadas e Feiras Rurais, onde se recriam os ancestrais locais de comércio.

É filiado na Federação do Folclore Português (F.F.P.) e no INATEL. Um dos principais objectivos da associação fomentar a inter-ligação com a sociedade envolvente, desta forma, relevamos as parcerias com outras entidades que trabalhem em prol da cultura.

A seguir são descritos alguns momentos que importam salientar acerca da actividade da associação:

1991 – A 8 de Março dá-se a fundação oficial da associação Grupo Etnográfico Rusga de Joane.
1991 – A 12 de Outubro faz a sua primeira actuação, tendo sido apadrinhado pelo Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela.
1996 – Participação no Festival Internacional de Folclore de Israel, tendo sido o primeiro grupo português a deslocar-se a esse país.
1997 – Integração nas festividades Dia de Portugal em Newark – Estados Unidos da América (E.U.A.)
1998 – Participação nas Festas das Vindimas, na Vila de Leognan, em Bordéus (França), germinada com a Vila de Joane.
1999 – Deslocação ao Principado do Mónaco, no âmbito das festividades da comunidade portuguesa.
2000 – Participação nas festividades da comunidade portuguesa de Bourgoin Jallieu, Lion, França.
2005 – Integração nas festividades da comunidade portuguesa em Genebra, Suíça.
2006 – Filiação na Federação de Folclore Português (F.F.P)
2006 – Deslocação às cidades de Bona e Colónia, Alemanha, no âmbito das festividades da comunidade portuguesa.
2009 - Deslocação a Weitzikon , Suiça, nas festividades da comunidade portuguesa local.
2009 - Participação no Festival Internacional dos Açores - COFIT entre os dias 9 a 15 de Agosto.

A Rusga de Joane, tem actuado também por diversas vezes na vizinha Espanha. A nível televisivo, o grupo foi objecto de reportagem na Televisão Israelita, bem como da RTP.

Possui uma gravação comercial, onde se podem apreciar vários temas musicais que caracterizam este grupo, para os adquirir envie um e-mail para: moc.liamg|enaojedagsur#moc.liamg|enaojedagsur.

Ligações externas

Artigos relacionados com Joane

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.


Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Grupo Etnogr\u00e1fico Rusga de Joane","order":"dateAddedDesc"}}

Fotografias da região

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Joane, folclore joane rancho-folcl\u00f3rico vila-nova-de-famalic\u00e3o, -Grupo Etnogr\u00e1fico Rusga de Joane","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos com a mesma raiz:

Artigos subordinados a este (caso existam):

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.