Igreja Matriz Paroquial de Santiago Maior

Igreja Matriz Paroquial de Santiago Maior
Camarate

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"igreja-matriz-paroquial-de-santiago-maior","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"camarate","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


A Igreja Matriz Paroquial de Santiago Maior de Camarate localiza-se na junção da Praça 1º de Maio com as Ruas Avelino Salgado de Oliveira e Guilherme Gomes Fernandes, no centro da vila de Camarate, concelho de Loures, sendo em torno desta obra que se procedeu ao crescimento urbano da povoação ao longo dos séculos.

A primitiva igreja camaratense foi mandada edificar na década de 1370 pelo bispo de Lisboa D. Agapito Colona (que governou a diocese de 1371 a 1378). A igreja foi-se degradando com o tempo, dando lugar à reconstrução de uma nova por volta de 1511, na mesma altura em que a freguesia civil e eclesiástica de Camarate foi separada da vizinha Sacavém. Contudo, o actual edifício data do início do século XVII, altura em que foi uma vez mais reconstruído.

Características arquitectónicas

A igreja matriz de Camarate é descrita como um templo de uma só nave, rematado pela capela-mor. A fachada apresenta-se sóbria, tendo como elemento central o portal rectangular em mármore, encimado por um frontão triangular, no qual incide uma janela rectangular. À direita, encontra-se a torre sineira, concluída por uma cúpula.

No interior seiscentista, destacam-se os azulejos brancos e negros dispostos em padrão geométrico, a pedra do altar em mármore e ainda o tecto coberto de pinturas dos meados do século XVII representando cenas da vida do apóstolo Santiago Maior. Ao longo da nave encontram-se quatro altares laterais, e ainda dois a rodear a capela-mor, dedicados, respectivamente, a Santiago e a Nossa Senhora de Fátima. De destacar também o magnífico trabalho da talha dourada na capela-mor, bem como o tecto de estuque. Nas duas paredes laterais do altar-mor acham-se duas telas recentemente restauradas, pintadas por volta de 1710 por António Machado Sapateiro.

No exterior, no adro da Igreja, encontra-se também um admirável cruzeiro manuelino, o único elemento do conjunto que remonta ao século XVI.

A Igreja Matriz de Camarate, com o seu recheio e o cruzeiro, foi declarada Imóvel de Interesse Público pelo decreto n.º 2/96, de 6 de Março de 1996.

Ligações externas

Artigos relacionados com Camarate

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, no images found attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Igreja Matriz Paroquial de Santiago Maior","order":"dateAddedDesc"}}

Fotografias da região

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Camarate, camarate igreja igreja-matriz igreja-matriz-paroquial-de-santiago-maior loures, -Igreja Matriz Paroquial de Santiago Maior","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos com a mesma raiz:

Artigos subordinados a este (caso existam):

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.