Lixa

Lixa
Felgueiras

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"lixa","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"felgueiras","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


Lixa é uma cidade portuguesa do concelho de Felgueiras, distrito do Porto, com cerca de 15.000 habitantes (2001). Tem quatro freguesias, Vila Cova da Lixa, Santão, Borba de Godim e Macieira da Lixa, que somam uma área de 12,58 km².

A cidade da Lixa fica localizada entre as cidades de Amarante e Felgueiras. Foi elevada a cidade em 1995. É a chamada "Terra Verde". Contém um relevo montanhos, destacando-se o monte do Ladário.

As actividades económicas aqui existentes são o comércio (malhas, bordados, móveis e calçado, também se destaca as feiras); agricultura (milho, centeio, feijão, batata, cebola, fruta variada, linho mel e o vinho verde que já ganhou vários prémios a nível nacional e internacional); artesanato (peças de renda e bordados de linho e algodão); pecuária (gado bovino e caprino usado na lavoura, vacarias, pocilgas e aviários); indústria (empresas de calçado que emprega 30% da População Activa).

História

A Lixa de antanho nasceu, por certo, no (actual) lugar do Poeiro, Rua Nova e demais, onde se teriam criado estalagens e cómodos para os viandantes que calcorreavam os caminhos que desciam de Guimarães para Amarante e daí subiam a serra para Vila Real e outras parcelas de Trás-os-Montes.

No itinerário de uma via que conduzia os peregrinos medievos de Além-Marão a Santiago de Compostela, a Lixa foi palco de batalha (a 2 de Abril de 1834) de um dos derradeiros combates entre as tropas de D. Pedro, comandadas no terreno pelo General Torres, e os exércitos do Rei D. Miguel, que lutaram sobe as ordens do Brigadeiro José Cardoso. Foi também na Lixa, numa casa sita no lugar do Senhor do Amparo (perto do actual estádio de Futebol Clube da Lixa) que o célebre salteador Zé do Telhado matou, durante uma refrega entre os dois, o seu compadre, e membro da sua quadrilha, Zé Pequeno.

Antes de ser vila, e por muitos mais anos, a Lixa foi sucessivamente um lugarejo, uma aldeia e uma povoação. Efectivamente, e tanto quanto os documentos registam, a terra da Lixa é povoada há muitas centenas de anos, havendo provas documentais de que, existindo porventura antes, ela começou verdadeiramente a expandir-se logo após consolidada a fundação do Reino Português.

Para credibilizar esta informação, refira-se que um documento do séc. XI, transcrito por J. P. Ribeiro em duas das suas obras, refere a "vila" da Lixa. E que Pinho Leal, no "Portugal Antigo e Moderno", afirma que na povoação da Lixa existiu, desde de tempo anterior à fundação da nacionalidade Portuguesa, um convento de freiras beneditinas.

A Lixa foi elevada a categoria de cidade por decisão da Assembleia da República tomada em 21 de Junho de 1995. Até esse dia, e desde 1 de Abril de 1933, a Lixa tinha estatuto de vila.

Ligações externas

Artigos relacionados com Lixa

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, no images found attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Lixa","order":"dateAddedDesc"}}

Fotografias da região

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Felgueiras, felgueiras lixa, -Lixa","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos com a mesma raiz:

Artigos subordinados a este (caso existam):

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.