Montes da Senhora

Montes da Senhora
Proença-a-Nova



{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"montes-da-senhora","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


Montes da Senhora é uma freguesia portuguesa do concelho de Proença-a-Nova, com 33,73 km² de área e 925 habitantes (2001). Densidade: 27,4 hab/km².

Está situada num terreno acidentado, como se depreende da própria toponímia, limitado a norte pela freguesia de Alvito da Beira, a sul e a poente pela Sobreira Formosa, a nascente por Santo André das Tojeiras.

Localidades

  • Carregais
  • Carregal
  • Chão de Galego
  • Ponte do Alvito
  • Rabacinas
  • Casalinho
  • Chão Redondo
  • Catraia Cimeira
  • Catraia Fundeira (desabitada)
  • Ferraria
  • Casal da Ribeira
  • Aldeia Cimeira
  • Monte de Cima
  • Monte do Meio
  • Monte de Baixo
  • Monte Barbo
  • Monte de Trigo

História

É povoação muito antiga, de fundação anterior à monarquia, provavelmente do tempo da dominação mourisca, segundo alguns dos estudiosos que a referem. E acrescentam que os vestígios existentes na serra do "Chão do Galego", na gruta a que o povo sempre chamou "Buraco da Moura", são prova plena de tal filiação. A verdade é que a investigação é muito pouco convincente. Mas, nada repugna aceitar a hipótese pois a região era povoada ao tempo da chegada dos sarracenos, embora escassamente, e estes, na sua retirada lenta para o sul tiveram longos períodos de permanência nos lugares estratégicos, como seriam, na freguesia, alguns montes, nomeadamente a Portela das Talhadas e a própria serra do "Chão do Galego".

Pertenceu durante século à freguesia de Sobreira Formosa, acompanhando o antigo concelho desde o apogeu até à sua desagregação, em meados do século XIX. Depois, em 1921, foi constituída em sede de freguesia à custa daquela, ficando com 540 fogos onde vivem 2051 almas.

Economia

A população da freguesia vive quase exclusivamente da agricultura. Produz cerejas, centeio, milho, vinho, azeite, mel, explora convenientemente os pinhais, que se dão bem nestes terrenos, mas de rendibilidade diminuta. Por isso, tal como nas restantes freguesias do concelho, muitos são os que abandonaram os seus lares no últimos anos, partindo em busca de melhor sustento noutras paragens.

O comércio é diminuto, limitando-se aos produtos de primeira necessidade que transacciona em pequenas mercearias mistas, onde aparecem vinhos e miudezas, adubos e fazendas. Dedica-se essencialmente à fruticultura (cereja, limão), confecções, serralharia, indústria alimentar.

Tradições

Lenda da Nossa Senhora do Pópulo

Diz-se que a Nossa Senhora do Pópulo apareceu na toca duma sobreira. O povo quis fazer-lhe uma capela no Vale da Igreja donde ela avistaria o Santo António da freguesia de Sobreira Formosa. Depois de mudarem a Nossa Senhora para lá, verificava-se todas as manhãs, que ela estava na "toca da sobreira" e tinha deixado a capela nova. Após isto ter acontecido várias vezes , a população resolveu verificar se era Ela que se mudava ou alguém que procedia à sua mudança. Assim deitaram poeira no caminho e no dia seguinte as pegadas de Nossa Senhora lá estavam registadas. Perante tal facto o povo ainda duvidou e no dia seguinte foram espreitá-la. À hora do costume um denso nevoeiro cobriu o caminho e eles nada puderam ver e a Nossa Senhora lá estava na toca, como sempre, pela manhã. Foi então que o povo reuniu, decidindo construir a igreja matriz no sítio da "sobreira", onde ainda hoje se encontra.

Gastronomia

  • Maranhos
  • Plangaio
  • Enchidos vários
  • Queijo de cabra

Património

A Igreja Matriz tem como orago Nossa Senhora do Pópulo. Existe, também uma linda capela no lugar de Catraia Cimeira. Forno público, vestígios de fortificações militares (como o Forte de Ponte de Alvito), marco geodésico e alguma arquitectura tradicional.

Locais de interesse turístico

Moinhos de água, zona piscatória, paisagem natural e circuito da Ribeira do Alvito.

Feiras

Anuais (terceiro domingo de Fevereiro e terceiro domingo de Julho)

Festas e romarias

  • Nossa Senhora do Pópulo - 15 de Agosto
  • Santa Luzia - primeiro fim-de-semana de Setembro
  • Festa das Cerejas - Julho
  • Festa do Casal da Ribeira - terceiro fim-de-semana de Setembro

Associativismo

  • Centro Cultural, Social e Recreativo de Montes da Senhora
  • Grupo de Jovens de Montes da Senhora
  • Grupo de Danças e Cantares do Centro Social e Recreativo (C.S.C.R.) da Freguesia de Montes da Senhora
  • Companhia de Teatro de Montes da Senhora
  • Liga de Amigos da Freguesia de Montes da Senhora
  • CDJMS - Comissão de Desenvolvimento dos Jovens de Montes da Senhora

Ligações externas

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, we couldn't find any images attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Montes da Senhora","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos subordinados a este (caso existam):

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.