Santa Susana

Santa Susana
Alcácer do Sal



{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"santa-susana","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


Santa Susana é uma freguesia portuguesa do concelho de Alcácer do Sal, com 166,45 km² de área e 501 habitantes (2001). Densidade: 3,0 hab/km².

Com arquitectura tipicamente alentejana, a aldeia de Santa Susana destaca-se pela presença de casinhas de rés-do-chão, todas caiadas de branco com barra azul e grandes chaminés. Localizada entre duas ribeiras, afluentes da margem direita da ribeira de Alcáçovas, está distanciada da sede do concelho por 15 km. Na sua envolvência tem ainda a barragem do Pego do Altar, obra hidro-agrícola, mandada edificar no Estado Novo que, além de regar os arrozais do concelho de Alcácer do Sal, constitui um espaço de lazer e descanso.

Localidades

A pequena freguesia é composta pelas localidades de Santa Susana, Barrancão, Foros de Corte Pereiro e Pêgo do Altar.

História

Aparecem referências a achados, na área da freguesia, de machados pré-históricos, bem como o achado de uma pulseira de ouro maciço datada da idade do bronze. Na área da freguesia localiza-se uma mina de carvão denominada Mina da Ordem, que em 18 de Agosto de 1839 teve o seu alvará concedido à Companhia das Minas de São Pedro da Cova. Este topónimo fica a dever-se, certamente, ao facto da freguesia ter sido uma capelania da Ordem de Santiago. Em 1839 a freguesia aparece na comarca de Setúbal e em 1852 na de Alcácer do Sal.

Santa Susana chama a atenção devido às suas casas de contornos iguais e molduras de azul forte. Parece uma antiga vila de arquitectura rural, mas que estas ruas geométricas e as casas iguais não são um acaso. Construídas há mais de um século, serviram de alojamento temporário para trabalhadores agrícolas que acabaram por aqui ficar. Hoje é uma tranquila vila alentejana onde se pode saborear a gastronomia local e conhecer o artesanato em madeira de salgueiro e cortiça. Para muitos é a aldeia mais bonita do Alentejo.

Tradições

A freguesia de Santa Susana tem por tradição o denominado “Madeiro de Natal”. Esta tradição consiste no acender de uma lareira que permanece ateada desde a véspera do Natal até ao Ano Novo. Organiza ainda as festas de Santa Susana, a 13 de Maio, e as festas tradicionais, celebradas a 15 de Agosto.

Sendo uma aldeia típica alentejana, a sua gastronomia e artesanato têm por base os costumes desta região do país. Deste modo, a açorda de alho constitui um dos seus pratos gastronómicos e as miniaturas de cortiça e madeira, o sapateiro, as rendas e bordados, fazem parte do artesanato da freguesia.

A Lenda de Santa Suzana

Aqui neste lugar, há muitos, muitos anos existia um casal, que era o nome que se dava à grandes quintas. Vivia nesse casal uma meia dúzia de familiares muito abastados e resolveram, um certo dia, fazer uma capela. Assim o pensaram, assim o fizeram. Como sabiam dos milagres de Santa Suzana, resolveram ter a dita Santa como padroeira. Mandaram fazer uma imagem da Santa para pôr no altar e fizeram uma grande festa em sua homenagem. Essas famílias pensaram também em pôr o seu nome na terra que habitavam – Santa Suzana.

Santa Suzana, era uma menina, que pastava as suas ovelhas enquanto lia a Bíblia para quem a quisesse ouvir. Dava o pouco que tinha aos mais pobres, e rezava muito a Deus nosso Senhor. Nunca largava a sua Bíblia. Mas um dia a inquisição resolveu prendê-la. Levaram-na de rastos até uma fogueira, onde a prenderam a um pau e queimaram-na viva. Santa Suzana morreu rezando a sua Bíblia. É por tudo isto que a nossa aldeia se chama Santa Suzana.

Património

Integrada na rede europeia de turismo de aldeia, a freguesia dispõe de um conjunto de locais de interesse turístico, dos quais se destaca a zona da barragem do Pêgo do Altar, com piscinas flutuantes e parques de merendas. São ainda encontrados edifícios como a Igreja Matriz, a ponte barroca submersa, datada do século XVIII, e o cruzeiro constituído por uma cruz em granito, constituindo o património cultural da freguesia.

  • A arquitectura única das suas casas mais antigas
  • Igreja de Santa Susana
  • Barragem do Pego do Altar

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, no images found attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Santa Susana","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos subordinados a este (caso existam):

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.