Sociedade Recreativa e Musical Loriguense

Sociedade Recreativa e Musical Loriguense
Loriga

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"sociedade-recreativa-e-musical-loriguense","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"loriga","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


De entre as colectividades de Loriga sobressai a Sociedade Recreativa e Musical Loriguense que, com a sua filarmónica, tem sido a maior embaixatriz desta terra em todo o país.

Anos iniciais

A criação de uma Banda de Música Filarmónica em Loriga, começou a surgir em 1904, passando a partir de então a ser assunto obrigatório das conversas dos Loriguenses. Era grande a expectativa e o contentamento da população para que a existência da Filarmónica fosse uma realidade. Nesse mesmo ano começou a dar os primeiros passos, no entanto, só em 1906, se veio a concretizar a sua fundação.

A Banda foi fundada em 1 de Julho de 1906, por Mateus de Moura Galvão, Joaquim Gomes de Pina, Augusto Luís de Pina e António Cabral. A Banda fez com grande sucesso a sua primeira actuação nas festa de Nossa Senhora da Guia. O instrumental foi adquirido por subscrição pública e custou 456 mil réis. Os ensaios eram realizados em casa de Joaquim Gomes de Pina, que lhe arranjou a primeira farda. Foi na festa de Nossa Senhora da Guia, em 1906, que a Banda se apresentou pela primeira vez em público. O ensaiador e primeiro regente seria o músico espanhol João Martinez, que era operário dos lanifícios. A Banda manteve-se muitos anos graças às quotizações dos sócios, ao produto das festas em que participava e à contribuição anual das fábricas de lanifícios locais.

As décadas seguintes

Com a saída para a África, do senhor Carlos Simões Pereira, então o regente, a Banda esteve sem actividade, inclusive mesmo encerrada. Os instrumentos e o fardamento foram "encaixotados" e entregues à Junta de Freguesia, mas no ano seguinte e por iniciativa do senhor António de Brito Pereira (Mestre António Barriosa) a Banda voltou a abrir as suas portas e à sua actividade normal, para contentamento de toda a população.

Foi em Setembro de 1948 que, pela primeira vez, a Banda se deslocou até junto da grande Comunidade Loriguense residente em Sacavém, onde fez parte do programa da Festa da Nossa Senhora da Saúde, que ali se realiza anualmente.

História recente

Por alvará de 5 de Julho de 1971, foi esta Sociedade agraciada com o título de “Membro Honorário da Ordem de Benemerência” e considerada “Agremiação Cultural de Utilidade Pública”. Ao longo das suas várias décadas de vida, a Banda tem actuado nos mais recônditos pontos do país e nas principais cidades. Vocacionada, como aliás a quase totalidade das Bandas deste país, para as festas religiosas, que vai abrilhantando ao longo do ano, a Banda de Loriga procura, de há algum tempo a esta parte, marcar presença em diversos acontecimentos de carácter eminentemente cultural que ocorrem um pouco por todo o lado. Foi deste modo que, a 1 de Outubro de 1994, Loriga esteve representada pela sua Banda nas comemorações do Dia Mundial da Música, em Oeiras.

Realizou-se em Julho de 1999, uma deslocação aos Açores. Foi a primeira deslocação, para fora do Continente, da grande embaixatriz de Loriga, que se traduziu num enorme êxito. A actuação da Banda de Loriga na Ilha de São Miguel nos Açores ficou a dever-se ao esforço e verdadeiro bairrismo levado a efeito pelo loriguense Dr. José Prata Aparício, o "Zeca Prata", como é reconhecido pelos amigos, e que há anos se encontra radicado nos Açores. Um mês depois (em Agosto) no dia da Festa da Nossa Senhora da Guia, os músicos da Banda prestaram uma singela e merecida homenagem a este seu conterrâneo, ao qual ofereceram uma lembrança, como prova de gratidão, a que se juntou a grande assistência presente no recinto da Nossa Senhora da Guia, com uma grande e afectuosa ovação.

Obviamente, a Banda de Loriga fez diversas actuações durante todos estes anos, nomeadamente em Lisboa (diversas vezes), Coimbra, Viseu, Miranda do Douro, Macedo de Cavaleiros, Mogadouro, Figueira de Castelo Rodrigo, Trancoso, Meda, Figueira da Foz e muitas outras vilas e aldeias de Portugal, não esquecendo em particular a ida aos Açores; chegando inclusive a gravar um CD decorria o ano de 2002. Também inserida nas comemorações do dia 10 de Junho de 2005 (Dia de Portugal e das Comunidades), a Banda de Loriga deslocou-se ao Luxemburgo, fazendo a sua primeira internacionalização.

Integrou-se ainda em Festivais de Bandas em diversas localidades, tais como Vouzela, Oeiras, Manteigas, Seia, Ericeira, Silvares, Vila de Carvalho, Fundão, Covilhã, entre outras.

Vários eventos foram levados a efeito durante o Ano 2006, inseridos nas Festividades do Centenário da Banda. O dia 29 de Janeiro de 2006, foi data oficialmente registada, para inicio das comemorações, tendo-se deslocado à vila de Loriga a consagrada Banda de Manteigas, para saudar e apresentar os parabéns. No mês de Fevereiro, foi a vez da Banda da vila de Carvalho, Covilhã. Seguiu-se em Março a Banda da Sociedade Artística Musical 20 de Julho de Santa Margarida do Arrabal (Distrito de Leiria). No mês de Abril foi a vez da Banda do CCD da Câmara Municipal de Oeiras. Também inserido nas comemorações do centenário no dia 31 de Maio, a Banda de Loriga esteve presente em directo no programa "Praça da Alegria" da RTP1 transmitido da delegação do Porto. No dia 1 de Julho, deslocou-se a Loriga a Banda da Armada, que pelas 21,30 Horas, fez um concerto no Largo do Santo António em Loriga, que marcou o ponto alto das comemorações do Centenário da Banda de Loriga. No dia 2 de Julho as Bandas do Concelho: Seia, São Romão, Tourais, Torroselo, Santa Marinha e ainda a Banda da Juventude Musical Ponterrolense de Ponte do Rol, concelho de Torres Vedras, fizeram-se deslocar a Loriga para um encontro de Bandas. No dia 15 de Julho, foi programado, um concerto de clarinetes pelo quarteto "AD LIBITUM", evento inserido ainda nas comemorações do Centenário da Banda de Música de Loriga. Em Outubro a Banda de Loriga deslocou-se a Rio Torto, Gouveia, (de onde é natural o actual Maestro) e aí realizou um concerto. Em Novembro, deslocou-se a Loriga a Banda da Sociedade Musical Gouveense, João Amaral Botto Machado. No dia 10 de Dezembro realizou-se o último evento das Festividades do Centenário da Banda, que ao longo do ano foram levados a efeito para celebrar esta data memorável dos 100 Anos de existência. Para o efeito, deslocou-se à Vila de Loriga, a Banda da Sociedade Filarmónica Vestiarense "Monsenhor José Cacella" da Vestiaria, Alcobaça, também ela a festejar neste ano 2006 o seu Centenário, que no âmbito do intercâmbio que foi efectuado, faz esta visita de cortesia para apresentar os parabéns à sua congénere de Loriga.

É seu actual regente Miguel Ângelo Almeida Gonçalves. A Banda é composta por cerca de 50 executantes, jovens na sua maioria, dando toda a gente o seu melhor para dar corpo e vida á Banda. É também de enaltecer o esforço dado pelos inúmeros filarmónicos que prestaram serviço à Banda, sem o qual esta não teria sobrevivido. Também uma palavra de louvor para os Directores que ao longo dos tempos têm dado o seu melhor, quer na administração, quer na gestão dos recursos humanos.

Lista de Regentes da Banda

Ligações externas

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.


Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Sociedade Recreativa e Musical Loriguense","order":"dateAddedDesc"}}

Fotografias da região

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Loriga, banda-filarm\u00f3nica loriga, -Sociedade Recreativa e Musical Loriguense","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.