Vouzela (freguesia)

Vouzela (freguesia)
Vouzela

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"vouzela-freguesia","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"small","userName":"Portuguese_eyes","tags":"vouzela","order":"interestingness-desc","perPage":"1","limitPages":"1"}}
anuncio100x60.png


Vouzela é uma freguesia portuguesa do concelho de Vouzela, com 5,17 km² de área e 1.485 habitantes (2001). Densidade: 287,2 h/km². Sede concelhia de doze freguesias, com a extensão de 189 km², é uma população que ronda os 13.200 habitantes. Vouzela está situada em pleno coração da Sub-região Dão-Lafões.

Geografia

Situada no topo norte do concelho com o mesmo nome do qual é sede, Vouzela surge como vila encantada por entre as brumas das manhãs de Outono. Descendo a encosta norte da Serra do Caramulo já a encontramos aos pés do Monte da Senhora do Castelo e do Gamardo espraiando-se até ao Vouga, emoldurada pelo exuberante verde das florestas e, aqui e ali, casas de quinta, ora brancas, ora de um cinzento velho e granítico.

A vila é pequena mas airosa: servida por boas vias de comunicação, ligada por camionagem a todo o concelho, possuindo transportes rápidos para os grandes centros e dotada de todas as infra-estruturas que tornam a vida cómoda e calma. As suas várias casas quinhentistas, a atestar seu passado valor, harmonizam-se com construções modernas surgidas em zonas novas e espalhadas por toda a vila.

Junto à vila há paisagens maravilhosas a impressionar o visitante: a estrada que nos leva à foz do Rio Zela, tem um aspecto caracteristicamente alpino, com a esplêndida piscina natural que o Vouga ali nos proporciona. E o Monte do castelo onde se localiza o magnífico Parque de Campismo, com todas as infra-estruturas que lhe proporcionam umas excelentes férias, para onde se vai numa estrada sinuosa de uns três quilómetros, permite-nos lançar a vista para um quadro estupendo, a conquistar o turista mais viajado, que dirá jamais ter visto igual beleza de tantos contrastes harmoniosos.

História

As primeiras referências à povoação remontam à segunda metade do século XI (1083) e, no entanto, há testemunhos de uma muito maior antiguidade: do castro da Senhora do Castelo, embora ainda não tivesse sido escavado, conserva-se a muralha e aparecem à superfície fragmentos de cerâmica castreja e romana. A existência de duas sepulturas antropomórficas, nas suas imediações, prova que continuou a ser habitado na Alta Idade Média.

Vouzela foi, desde tempos muito remotos, uma terra muito importante. Dos romanos sabe-se que por aqui fizeram passar o seu tráfego através da ligação viária para todo o império. Entroncamento de duas importantes vias, que a ligavam à civitas e à região do litoral.

A transacção de antiguidades, por exemplo, constitui já um ex-libris do concelho. A zona Industrial do Monte cavalo em expansão, mostra o dinamismo de uma terra que faz assentar nos alicerces do passado o seu futuro.

Festas, feiras e romarias

  • Festa da Santa Marinha padroeira da cidade de Paços de Vilharigues
  • Festa da Nossa Senhora do Castelo, no dia 15 de Agosto
  • Festas do Castelo, na primeira quinzena de Agosto
  • Festa de São Frei Gil, no dia 14 de Maio (feriado municipal)
  • Festa do Corpo de Deus, no mês de Junho
  • Feira Mensal, na primeira quarta-feira do mês

Etnografia

Trajes tradicionais

A época do ano (Inverno/Verão), a ocasião (trabalho/festa) e principalmente a situação económica das famílias, determinava o trajar do homem e da mulher.

As diferenças verificadas no trajar dos vários grupos sociais são dadas, fundamentalmente, pela qualidade dos tecidos, pelos modelos e pelos adereços. Enquanto no trajar masculino a diferença é feita pelos tecidos, uma vez que os modelos se mantinham semelhantes, no trajar feminino é feita não só pelos tecidos mas também pelos modelos e adereços.

Para ocasiões de trabalho, a mulher vestia modelos simples e de mais usos. Para ocasiões de festa vestia as melhores peças em tecidos e modelos dependendo da sua situação económica. Os tecidos utilizados na confecção dos trajes eram de fabrico caseiro e industrial, como exemplo temos o linho, a estopa, o burel, o pano cru, a seda entre muitos outros. Em geral o traje feminino é composto pela capucha, a saia, o saiote, o avental, a camisa, a cinta, o lenço de cabeça, meias e tamancos. O traje masculino é composto pela capucha, a calça de burel, o colete, a camisa, as ceroulas, a cinta, meias, tamancas, tamancos de burel, a carapuça e a boina.

A capucha merece um destaque especial uma vez que era uma peça comum a todos os trajes, sobretudo femininos. Era e continua a ser usada nas freguesias mais serranas onde os Invernos são mais rigorosos e justificam o seu uso quase diário. A capucha era indispensável por ter múltiplas funções, tornando-se muito prática. A capucha de trabalho era de burel castanho ou tingido de preto sendo o principal abrigo da mulher e do homem que andavam à chuva, vento frio e neve.

Para além de agasalho, esta peça de vestuário, auxiliava a mulher no seu trabalho, pois nela trazia molhos de lenha, frutos, feijões e hortaliça. Muitas vezes servia para deitar a criança, no campo enquanto a mãe trabalhava. Em dias de festa continuava a usar-se a capucha feita de tecidos mais finos como por exemplo de burel novo.

Património

Natural

Em Vouzela atravessando a Alameda, encontramo-nos no bem cuidado jardim, que no início de Agosto, serve de palco ás tradicionais Festas do Castelo. Os seus enormes plátanos e tílias convidam ao descanso. Pode-se ainda, na Senhora do Castelo, mergulhar no verde das matas que a envolvem e nas piscinas do parque de campismo que ali se situa.

Histórico

Na periferia da freguesia das Donas encontram-se as Orcas da Albagueira e a Inscultura da Pedra da Gata, do período Neolítico. Como índicios da civilização castreja temos a Citânia do Crasto e a Citânia da Ribamá.

Dentre os edifícios catalogados pelo IPPAR, encontram-se nesta freguesia:

  • A Igreja de Santa Maria ou Igreja de Nossa Senhora da Assunção ou Igreja Matriz de Vouzela, de estilo românico.
  • O belo e antigo casario onde se destaca a Casa dos Távoras, que dá acesso às margens do rio Zela e à fonte da Nogueira, a qual, segundo a tradição, foi mandada construir pelo Infante D. Luís, filho do rei D. Manuel I.
  • O edifício do antigo tribunal que, depois de um bem conseguido restauro e ampliação, acolheu dignamente os actuais Paços do Concelho de Vouzela (Domus Municipallis), do século XVI, com o seu característico arco e varandas, onde hoje funciona a Biblioteca Municipal.
  • O edifício do Museu Municipal de Vouzela.
  • O Pelourinho de Vouzela.

Tem-se ainda:

  • A Igreja da Misericórdia de Vouzela, do século XVIII, com a sua bela frontaria em azulejo.
  • A Casa das Ameias, à espera de restauro.
  • A Casa da Cavalaria, que tem sido alvo de algumas considerações a que não é estranha uma personagem que é um dos símbolos desta terra: D. Duarte de Almeida, o Decepado de Toro.
  • A capela do século XVII dedicada a São Frei Gil que, em frente e em volte, apresenta algumas das mais belas casas de Vouzela.
  • A ponte ferroviária que hoje proporciona um belo passeio pedestre pela zona envolvente do rio Zela e, do outro lado, a mais modesta, mas não menos airosa ponte romana de Vouzela.

Fotografias

Galeria dos nossos visitantes
As fotografias desta secção, em todos os artigos, são colocadas pelos nossos leitores. Os créditos poderão ser observados por clicar no rodapé em files e depois em info. As imagens poderão possuir direitos reservados. Mais informações aqui.

Sorry, we couldn't find any images attached to this page.

Galeria Portuguese Eyes
As fotografias apresentadas abaixo são da autoria de Vítor Oliveira.

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Vouzela (freguesia)","order":"dateAddedDesc"}}

Fotografias da região

{"module":"wiki\/image\/FlickrGalleryModule","params":{"size":"thumbnail","userName":"Portuguese_eyes","tags":"Vouzela, vouzela, -Vouzela (freguesia)","order":"dateAddedDesc"}}

Mapa

Artigos relacionados

Artigos com a mesma raiz:

Adicione abaixo os seus comentários a este artigo

Comentários

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under GNU Free Documentation License.